Algo sobre choques


  Caçadores da década de 50/60 costumavam dizer que suas espingardas, a maioria belgas calibres 28, faziam proezas, buscavam perdizes a mais de 50 metros. Por incrível que pareça naquela época eles davam tanta importância às espingardas que juntavam  chumbo, que as  esparramadeiras  não tinham o menor valor.

  O grande trunfo era atingir uma perdiz a grande distância. Ouvi de um velho caçador que a perdiz levantava voo igual a um Boeing, a pique, depois que ela aprumava é que iria atirar.

  Pode acontecer de derrubar uma perdiz com uma cal.28 há mais de 50 metros, mas é uma exceção.

  Sobre a potencia dos calibres podemos dizer que o calibre 12 alcança com poder mortífero aves  até 45 a 50 metros. O cal.16 até 40 m, o calibre 20 até 35 m e o calibre 28 até 20 m, na mão de um bom atirador.

  Quanto ao choque podemos afirmar que  o choque de uma calibre 28 não pode diferenciar de outro calibre qualquer com o mesmo choque.

  Existe um ditado inglês que diz: “O choque aumenta o alcance de sua espingarda, mas alivia o peso de sua sacola”

  Com uma arma totalmente chocada, por cada perdiz morta a 45 metros, errar-se-iam umas 20 ou 30!

  Caçadores antigos fantasiavam um pouco no intuito de transmitir mais emoções em seus contos sobre suas empreitadas de caça. Mesmo que não fossem verdades, sempre era muito bom ouvir suas estórias.

  Após uma seleção natural de calibres grossos partindo do cal. 8 chegou-se conclusão que o melhor calibre para caça ao voo é o cal.12

  Toda literatura sobre armas de caça recomenda que a arma ideal para caça ao voo é a cal.12 de dois canos com um cano choque de ¼ ou cilíndrico melhorado e outro com ½ choque. Podemos considerar que mais de 90% das peças abatidas são atiradas a menos de 35 metros. Armas de canos chocados são para caçadores bem acima da média e que pretendam atirar longe.

  Realmente eu não consigo imaginar um atirador de voo esperar para atirar, no momento do levante somos tomados por uma ansiedade incontrolável que o maior desejo é atirar o quanto antes. Foram inúmeras vezes  que  abati caça ao voo a distâncias inacreditáveis, mesmo com calibre 20, mas foram aves que já levantaram a grande distância. Nunca esperei a ave voar ou aprumar para atirar, mesmo porque, quanto mais longe o tiro, o desconto terá que ser mais cuidadoso.

Fontes consultadas: A espingarda de Caça em Portugal e A caça em Portugal vol. II

1 visualização

©2019 by RECARGAMATIC.