Amizade X dinheiro

Amizade X dinheiro

Amizade e dinheiro não são nada miscíveis. Certo cidadão pediu a um amigo empréstimo de uma soma de dinheiro, este respondeu ao pedido dizendo:

—Você é meu amigo, se eu lhe emprestar vou perder o dinheiro e o amigo. Sabendo  que vou perder os dois, prefiro perder a amizade já e não perder o dinheiro.

Realmente essa foi uma resposta sábia, pois é isso que sempre acontece.

Tive um amigo que gostava de caçar, mas preferia caçar nas redondezas. Assim combinávamos e saíamos pela manhãzinha do nosso inverno não muito frio. Íamos a três caçadores, colocávamos os cachorros na caçamba da caminhonete e partíamos.

Um dos colegas tinha um bar e vez por outra levava um frango assado e alguns pães e um refrigerante.

O local para a caçada eles que haviam descoberto. Assim que deixávamos a rodovia varávamos por estradas arenosas que singravam plantações enormes de eucaliptos fincados numa terra pobre. Vez por outra passávamos aperto encalhando na areia da estrada.

Assim que chegávamos ao fundo de uma grande fazenda de gado, combinávamos com o motorista a hora que deveria vir buscar-nos, pois não era nada conveniente o veículo ficar ali esperando. O motorista tomava o auto e ia pra cidade mais próxima e ficava a esperar por lá até dar a hora para nos resgatar.

Nós caçadores saíamos sós, cada um com seu cão, mas não andávamos muito longe um do outro, de maneira que se algum imprevisto acontecesse daria para comunicar com um gesto ou com assovio com outro.

Naquelas invernadas o mais comum de se encontrar eram os perdigões, não eram muitos, mas sempre apanhávamos quatro ou cindo deles, que para nós era uma ótima caçada, tendo em vista ser um local próximo e a caçada se dava em apenas meio dia.

Terminada a caçada o nosso motorista já estava nos esperando, e assim nos abastecíamos com frango assado frio, pão e refrigerante. Comer um frango assado com pão na sombra de eucaliptos após uma boa andada pelos pastos, Era o que de melhor existia para nós que gostávamos dessa lida. Nada substituía este tão prazeroso intento.

Mas o maldito dinheiro acabou com tudo. Emprestei dinheiro para esse amigo e aconteceu o previsível, não me pagou. Elepor si só afastou-se de mim, sua firma faliu e a irmandade de caça se dissolveu.

De inicio juro que senti raiva dele, mas agora o que sinto é saudades dessa época tão boa de caçadas.

Nota: nem sempre há verdades nos textos.

0 visualização

©2019 by RECARGAMATIC.