Caçada de urso preto no Canada (Da preparação à chegada ao local)


Traverse City

Da preparação à chegada ao local.

O convite do meu amigo Rodrigo eu vinha adiando desde 2013, finalmente teve sua realização neste ano de 2016.

Deixei o Brasil em meados de setembro com destino à Traverse City, USA, onde reside nosso amigo e entusiasta pela caça Rodrigo Meirelles. Reservamos o dia anterior da viagem para preparação, comprando algumas coisas e cuidando dos papéis das armas para entrarmos no Canadá.







Como não podia deixar de fazer, o Rodrigo me levou nas grandes lojas como:” Gander Mountain” e outras mais onde reside a “Disneylândia” do caçador e do pescador, ali aguçamos nossos sonhos e nossa imaginação, deleitamos de uma certa forma que ficou difícil deixar o recinto.





O único documento exigido para entrada com armas no Canadá por caçadores é o preenchimento de um questionário baixado pela internet, com o nome do requerente, documentos e as características das armas. Além do que, é logico, o visto de entrada no Canadá para não americanos.

Assim, deixamos no outro dia a linda cidade de Traverse City, às margens da” Grand Traverse City Bay”, bem cedo para rodar aproximadamente 700 km para alcançarmos o Lodge “Halfway to Haven” localizado dentro da Reserva natural Estatal de Algoma,North Part, no município de Wawa , Canadá.

Em direção ao Norte dirigimos margeando o Lago Michigan, sempre apreciando as belas paisagens, com muita vegetação e muito verde, mas que já estavam sentindo o outono se aproximar amarelando e avermelhando as folhas.

A viagem muito tranquila, paramos algumas vezes nas áreas de descanso dos motoristas onde se nota a bem organizada estrutura para conforto dos motoristas que necessitam de um descanso.



Aproximadamente na metade do caminho alcançamos a divisa do Canada onde atravessamos a ponte do Lago Superior com o Lago Huron. Nesse local existe uma eclusa para os navios transporem os desníveis dos Lagos.  A água corrente que se forma por conta do desnível dos lagos é ponto propício para pescadores fisgarem trutas e salmões.

Na divisa, fizemos a imigração, apresentamos os papéis das armas e pagamos 25 dólares por licença de transporte das armas. Tal é a confiança que é depositado no cidadão que nem mesmo houve conferência das armas e, estávamos livres para seguir com elas dentro do Canadá.

Assim que alcançamos a cidade divisa de “Sault Saint Marie” procuramos uma loja para obtermos nossa licença de caça e pesca. No “The trading Post” loja de souvenires e pesca, o Rodrigo pagou sua licença, mas o meu comprovante de caçador apresentado do Uruguai, não foi aceito. O atendente no indicou outro local, mas a informação não procedia. Rodrigo então lembrou que a “Canadian Tires”, um shopping de pneus que também vendem licenças de caça e pesca. Fomos até lá e sem dificuldades consegui minha licença para Urso, caça de pena e pesca.

Após nos alimentarmos num restaurante super tradicional com muitas pinturas dos exploradores canadenses, deixamos a cidade rumo à Wawa.





Na entrada de Wawa (nome que se dá ao som que os gansos emitem) um enorme ganso de aço abre um cenário muito admirado e fotografado, principalmente nós que somos caçadores. Perto dali muitos gansos pastando livremente. Fizemos nossa parada no portal da cidade para trazer de lembrança fotos e saber um pouco de sua história, pois para progredir para o aço foram feitos muitos outros gansos anteriormente.


Na estrada viam-se muitos turistas com seus Campers, Motohomes e caçadores com carretas transportando seus ATVs e seus quadriciclos que são muito usados na caça para conduzir o caçador até as cevas de ursos.



Logo depois do portal de entrada da cidade paramos para abastecer e visitamos uma loja típica de souvenires canadense, muita peles de raposa, castor, ursos, animais empalhados, o belíssimo Lobo do Canadá, Trabalhos indígenas, etc.




Atravessamos a pequena cidade de Wawa , e seguimos margeando o Lago de Wawa até entrarmos numa estrada de chão à direita.

Após entrarmos na estrada que corta a floresta vimos um urso morto na estrada onde Corvos e águias americanos estavam se alimentando.



Após uma hora de viagem chegamos ao Halfway Haven Lodge, onde fomos recebidos pelo Outfitter americano Jeff.

Halfway situa-se no estado de Ontario na floresta Federal de Algoma, os proprietários dessa pousada tem licença governamental de explorar a caça sustentada de urso e aves como os Grouses e também a pesca, nos moldes das Coutadas da África nos tempos dos grandes Safaris.

A caçada de Ursos, é uma verdadeira caçada selvagem, nada a comparar com caçadas em muitos países africanos onde os animais são criados e mantidos em cercas para serem caçados. A floresta não possui cerca, são milhares de km quadrados de floresta, onde a caçada é questão de sorte.



3 visualizações

©2019 by RECARGAMATIC.