Carabina Puma

Logo que foi lançada a carabina Puma


Com a advinda de pólvoras de queima lenta pudemos adequar as cargas para a carabina e obter melhoria no aproveitamento da arma. Hoje todos sabem que para arma longa a queima da pólvora deverá seguir um gráfico, em que o pico de pressão deve se dar ao longo do cano. Eu mesmo já fiz experiência com pólvora de queima lenta, colocando 17 grains numa cápsula de .38 e o tiro saiu perfeito, tanto que, não corta a cápsula e não denota excesso de pressão na espoleta e perfura uma chapa de aço SAE 1020 de 3/16”de espessura, o que não faz uma bala .357mag original de fábrica.Obs. Não aconselho ninguém a fazer esta experiência, pois depende  muito do tipo da pólvora usada. Mais histórias vejam meu livro Contos de Caçadas. 

5 visualizações

©2019 by RECARGAMATIC.