O mestre Joseph Manton




Joseph Manton 1766-1835

Há 200 anos Joseph Manton o artesão das armas, deixou um grande legado para os três melhores fabricantes de armas esportivas do mundo:Holland &Holland, Purdey e Boss & Company, que há 150 iniciaram a fabricação de armas esportivas, fabricando até hoje com apreciadíssima qualidade.A mesma fatia da sociedade atendida por Joe Manton, os poderosos e membros da realeza, são clientes destas renomadas firmas, eles sempre estiveram dispostos a esperar anos por uma arma sob encomenda. Quando uma firma dessas fazia uma arma de caça africana, podia demorar até 3 anos para concluir a obra.

Os clientes de Joe , sabiam que a qualidade tinha seu preço, na época em torno de 10mil libras por ter uma arma dessas.

Graças a Joe Manton, a Inglaterra é ainda hoje considerada o lar dos melhores fabricantes de armas esportivas do mundo. O espírito do mestre Manton ainda inspira os fabricantes ingleses.

Um mestre armeiro da Inglaterra, ainda hoje exibe uma arma de pederneira construída há 200 anos por Manton , em certas ocasiões ele atira com ela em demonstrações. Especialistas dizem que as armas de Manton foram símbolo de armas de fogo da época porque empregava todo esforço para fazer algo de qualidade, segundo o ponto de vista da engenharia, do mecanismo da trava, do cano e no encaixe da coronha,tudo impecável. Joe criou sua oficina no final da chamada era da pólvora, naquele tempo todas as armas eram ainda de antecarga .Entusiastas da antecarga ainda usam armas daquela época para praticarem seu esporte favorito.

Joseph Manton revolucionou as armas de ante carga, pois as que eram produzidas tinham um retardo no tiro advindo do longo percurso entre a caçarola até a câmara. Joe, reduziu este espaço afinando as laterais da câmara, proporcionando assim um percurso mais curto. As armas ficaram mais rápidas para tiro ao vôo, dando assim mais precisão. As armas de J.M, são tão espetaculares que após 200 anos de serem fabricadas ainda atiram com precisão. Joe dizia:”Uma arma deve ser leve prática e rápida e seu efeito geral deve ser moderado e elegante e quando corretamente apontada , eu garanto que uma Manton vai acertar o tiro.”

As armas que Joe fabricava para serem usadas em diligencias das famílias abastadas, possuíam um mecanismo ímpar para evitar disparo acidental quando era feito o carregamento. As armas de ante carga tinham que ser carregadas com o cão armado, então ele inventou um dispositivo de trava que era acionado automaticamente por gravidade, pois quando colocava a arma na vertical o dispositivo travava o cão. Na era da pólvora o maior inimigo do esportista era a chuva e J.M. inventou então a caçarola à prova de água. Joe registrava uma patente atrás de outra, era considerado um mestre da arte e seus clientes eram a nata da sociedade e também a realeza,como George I, GeorgeVI. Ele não dava prazo para conclusão de uma arma, dizia sempre que ficaria pronta entre 4 a 6meses, mas não se prendia a data se isso significasse perda de qualidade. Joe dizia” Nunca tento repetir o que foi feito antes”,embora poderia ter ficado rico dessa maneira, Joe Manton não se atava as antigas tradições da arte de fabricar e era um inovador.—Devo dizer que sou um inventor e também um homem da ciência. Manton estudava as falhas dos atiradores que costumavam atirar por baixo, foi aí que surgiu a idéia de fazer a fita do cano mais alta perto da câmara, propiciando assim o levantamento automático do tiro.Atirando sempre um pouco por cima corrige a queda do chumbo.

As armas procuradas para o duelo deveriam ser de fabricação de J. Manton, pois ele também descobriu que aumentando o peso do cano e da arma, propiciava menos recuo e menor a elevação do tiro. Naquela época tornou-se quase moda ser um bom atirador, logicamente usando as armas de J. Manton.

Joe era um gênio ficou rico na arte de fabricar armas e era um inventor incansavel. Alem de armas inventou também um cronógrafo usado em navegação. Sua genialidade quase que obrigou-o a andar fora da lei. As armas de fogo até hoje, na Inglaterra são obrigadas a passar por um teste de resistência nos bancos de prova. Joe dizia-se saber de tudo e não passava suas armas pelo banco de prova, dizia ele que o que vale é a marca Manton no cano.

O Processo de teste dos canos das armas fabricadas na Inglaterra pouco mudou desde o tempo de Manton. Os canos são testados com uma carga de pólvora pouco acima do padrão e depois de minuciosamente examinados, e se isentos de defeitos, recebem o símbolo das marcas de prova de teste.


10 visualizações

©2019 by RECARGAMATIC.