Projéteis Pintados


Por muito tempo  recarregadores trabalharam somente com chumbo e suas ligas para confeccionarem seus projéteis, inventando ligas e lubrificantes de todo tipo ,cada um criando sua solução nem sempre satisfatória. O intento maior dos recarregadores era  colocar mais velocidade nos projéteis sem que eles  chumbassem a raia do cano.

Com o surgimento de tintas mais resistentes a abrasão, alguém ,que não sei quem foi, resolveu pintar os projéteis, e não é que coisa deu certo e está virando coqueluche.

Pois é, essa técnica propicia uma especie de jaqueta ao projétil , só q ao invés de metálica é com resina .

Muitos ,atualmente estão pintando seus projéteis, alguns usam tinta eletrostática, outros tinta epoxi ,uns usam tinta líquida e outros em pó.

A verdade é que precisa analisar a performance da pintura, não é só pintar que vai resolver, precisa ser uma pintura eficiente com resistência a abrasão.

Como saber se a pintura é boa e resistente?

1.Testar com a unha raspando a pintura-não pode sair tinta!

2. Ao atirar verificar se o canal do projétil sangrado pela raia não ficou aparentando chumbo vivo- sinal que a tinta sofreu abrasão.

3. Fazer constante verificação na raia da arma pra ver se não houve chumbamento.

O projétil feito amadoramente poderá servir para recarga de balas com menor velocidade tais como o .38 ou .380. Já os mais exigentes como o 9 mm, o 357 mag. ,o 44 mag, ou o 454 casull, exige mais técnica na confecção da pintura e o uso de liga mais apropriada ao projétil.

Por exemplo um projétil .357 mag o ideal seria calibrar com .355” e fazer a pintura pra finalmente ficar com  .357”. Como mostra o desenho, o projétil adquiriu realmente uma capa protetora de resina.



A pintura profissional é feita com máquinas especiais para isso ,como também tintas especiais testadas para a finalidade.

A preparação do projétil para a aderência da tinta também é uma  importante fase da pintura que os fabricantes desenvolveram a altos custos.

Atualmente no Brasil em termos de qualidade de projéteis pintados acho que da pra contar em uma mão as firmas que produzem com qualidade e creio sobrar dedos!

 Quando for comprar projéteis pintados certifique que o chumbo é duro, que o diâmetro esta correto e que não sai a tinta.

Um detalhe importante: muitos recarregadores novatos quando recarregam .38 ou .357 tentam crimpar projéteis sem canal de crimp , isso não pode, tem que apenas dar um” Taper” a cápsula e não fazer o” roll crimp”.

0 visualização

©2019 by RECARGAMATIC.